Participe do nosso Workshop. Você vai aprender em apenas 4 Passos, como e qual vinho escolher para qualquer ocasião e os fundamentos da harmonização. Tenha mais segurança e confiança quando o assunto for Vinhos. [CLIQUE AQUI] Vagas Limitadas

Você experimenta o efeito dos taninos sempre que bebe um vinho que cria uma sensação de secura na boca.

Se você bebe vinho, em um momento ou outro, provavelmente já ouviu alguém se referir aos taninos de um vinho, mas talvez não saiba o que são ou por que são importantes. Embora saber o que esse termo significa não é uma necessidade para desfrutar de uma taça de vinho – realmente! – pode ajudar você a entender melhor o vinho que está bebendo e até porque alguns vinhos causam dor de cabeça.

Taninos são compostos naturais que existem no interior de cascas de uvas, sementes e caules. A palavra científica para esses compostos é polifenóis. Os polifenóis são liberados através das peles, sementes e caules quando embebem no suco de uva logo após a prensagem das uvas e são o que dá a certos vinhos, como o Cabernet Sauvignon, sua secura característica ou adstringência.

Dependendo da sensação de secura da boca, você pode determinar se um vinho tem alto ou baixo teor de taninos. Dizemos que um vinho rico em taninos é tânico.

Se você quiser tentar um truque que possa ajudá-lo a reconhecer um tanino quando prová-lo, prepare uma xícara de chá preto extra forte. Os taninos ocorrem naturalmente no chá preto e suas características surgem quando o chá é preparado por alguns minutos a mais do que o recomendado. Depois de preparar o chá, tome um gole e você notará imediatamente uma leve amargura no meio da língua e uma secura na frente da boca – este é um tanino.

O que faz um vinho ter taninos fortes ou fracos depende de quanto tempo o suco fica com a casca, as sementes e os caules das uvas após a prensagem das uvas. Quanto mais tempo as peles, sementes e caules embebem no suco, mais características de tanino elas conferem.

Isso explica por que os vinhos tintos têm taninos mais fortes que os brancos. Ao produzir um vinho tinto, o produtor deseja que as peles dêem mais cor, adicionando mais taninos ao suco. Além disso, extraindo as características dos taninos, eles são capazes de adicionar uma complexidade mais profunda ao vinho.

Os produtores de vinho também adoram taninos porque trabalham como antioxidante natural para proteger o vinho. Esta é realmente uma das principais razões pelas quais certos vinhos tintos, incluindo o Cabernet Sauvignon, podem ser tão dignos de idade. E, como sabemos, os antioxidantes não são úteis apenas para nos ajudar a envelhecer o vinho; eles também têm grandes benefícios à saúde para os seres humanos!

Agora você pode informar ao seu nutricionista que não é necessário continuar bebendo esse suco de romã. você só vai tomar uma boa taça de vinho tinto!

A única desvantagem dos taninos é que eles podem causar dores de cabeça a algumas pessoas. Uma boa maneira de testar se você é suscetível a dores de cabeça de taninos é determinar se substâncias semelhantes que são fortes nos taninos, como chocolate preto e chá preto forte, produzem o mesmo efeito.

Dores de cabeça de taninos são raras, geralmente nós apenas sentimos dor de cabeça por consumir muito, mas se você perceber que sofre delas, ficar com vinho branco, que é muito baixo em taninos, resolveria suas dores de cabeça provocadas por taninos!

INTENSIDADE DOS TANINOS NAS PRINCIPAIS UVAS TINTAS

Cabernet Franc
Cabernet Sauvignon
Carignan
Carménère
Castelão
Gamay
Grenache
Lambrusco
Malbec
Merlot
Monastrell
Montepulciano
Nebbiolo
Negroamaro
Nero d'Avola
Petit Verdot
Petite Sirah
Pinot Noir
Pinotage
Sangiovese
Syrah
Tannat
Tempranillo
Touriga Nacional
Zinfandel
PROCURA-SE APAIXONADOS POR VINHO - Estamos procurando pessoas apaixonadas por vinhos para viver uma experiência única. Para saber como participar, basta [CLICAR AQUI].

DEIXE UM COMENTÁRIO